Nandynha Vida Nova

Tudo começou...

Quando eu tinha +ou- 4 anos fiz uma cirurgia de retirada das amigdalas e carne esponjosa (nariz), depois disso comecei a engordar (não que tenha alguma relação com a cirurgia).

Realmente me dei conta do peso com uns 12 anos, quando a adolescencia chegou e ai ja viu...

Aos 14 anos fiz um tratamento para emagrecer (com medicamentos, injeções, restrições de alguns alimentos e exercício) e emagreci 19kg, chegando aos 60kg (estava perfeito).
Porém por ter sido próximo a minha festa de debutante, e na correria da festa acabei parando de ir ao médico e não retornando mais.

2 anos depois eu já havia engordado todos os 19kg e um pouquinho mais.

Depois disso fiz diversas dietas, entrei e sai da academia diversas vezes, diversos endocrinos, diversos medicamentos diferentes.

E vivia num constante efeito sanfona, emagrece/engorda.
Em dezembro de 2005 minha irmã iria se casar e eu não poderia usar nenhum vestido sem emagrecer, não ficaria elegante, neste caso recorri a uma farmacia perto de casa que fazia medicamentos sem prescrição médica.
Comecei a tomar anfepramona + ou - 1 mês antes do casamento e emagreci uns 10kg., estava ótimo, não estava magra, porém recebi muitossssssssssss elogios pelo pouco que já havia emagrecido.
Depois do casamento continuei tomando o medicamento, ele me tirava a fome e a vontade de comer por completo, porém um dia estava no horário de almoço do serviço e estava com uma gripe feroz, e deitei (sem almoçar) , do nada comecei a sentir minhas mãos formigando, foi piorando o formigamento até que percebi que meus dedos estavam ficando duros e entortando como se tivesse fechando a mão, e já no maior desespero chamei minha mãe que também ja completamente desesperada ligou pedindo ajuda a minha irmã, fui para o hospital com os músculos do corpo todos contraidos, braços tortos p/ dentro, minhas pernas endureceram na posição do banco do carro, não conseguia mecher nenhum membro, sem contar meu rosto que estava torto.
Quem olhava falava que eu estava tendo um derrame. Entrei na sala de emergência e já logo fui atendida, NADA QUE UM DIAZEPAN NÃO RESOLVEU...

O médico depois que melhorei foi conversar com minha mãe e perguntou se eu tinha passado nervoso ou se tomava algum medicamento, e ela respondeu a verdade, afinal eu havia passado nervoso no serviço e também tomava remedio.
Ele foi bem claro, falando que se minha mãe me quisesse bem me proibisse de tomar o remédio.
Chegou em casa jogou tudo no vaso sanitário... R$150,00 descendo pela descarga.... afff

Ah só p/ avisar ... não era um derrame... era uma reação do medicamento com o meu stress... Sou uma Saraiva da vida, infelizmente tenho um grande defeito que é a falta de paciência e sou mega estressada e ansiosa. Mas tudo bem.

Continuando... como todos que ja tomaram medicamento para emagrecer sabe... depois que para engorda tudo que emagreceu e muitooooooo mais, comigo não foi diferente.

Em 2008 fiz uma dieta chamada Meta Real, muito legal, emagreci 8kg em 2 meses ( sem remédio, só com uma suposta reeducação alimentar) porém parou  engordou...

Para complementar meu namorado gosta pouco de comer ( ele e toda a família dele... kkkk) e com isso engordei + 15 kg depois que o conheci.

Resumindo estou com IMC 43,43.

Completamente descontente comigo, Auto estima baixissima e tudo o que o sobrepeso possa ocasionar.

E depois de até crises de laxante p/ tentar emagrecer, dietas loucas, remedios naturais, não naturais e tudo mais decidi optar pela cirurgia, coisa que é de extrema necessidade afinal estou muito acima do meu peso.

Acredito que ja deu para me conhecer um pouquinho...

Amanhã estou de volta.

Bjos a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário